Ford Racing Trucks vai brigar pelos pontos em Interlagos

Depois de um bom começo de temporada e alguns percalços na última prova, a equipe Ford Racing Trucks chega em São Paulo (SP) para a quinta etapa do Campeonato Sul-americano e Brasileiro de Fórmula Truck, que será disputada domingo (25/07) no Autódromo de Interlagos (4.309m), a partir das 13h40 (horário de Brasília), com transmissão pela Band Sports.

“Nossos caminhões vêm em constante evolução, temos totais condições de brigar no pelotão da frente, mas o que preocupa mesmo são as longas retas em subida do circuito. Nosso Ford Cargo é mais leve, melhor para fazer curvas, mas aquela subida do Café exige muita potência. O motor Cummins evoluiu bastante e estamos trabalhando num diferencial novo, especial para Interlagos, justamente pelas características do traçado, onde precisamos ter muita força. Acredito que vamos brigar na classificação pela quarta ou terceira fila. Acima disso é lucro”, projeta o chefe de equipe Djalma Fogaça.

Para o jovem piloto Danilo Dirani, a equipe Ford está mais realista para esta etapa após os resultados da prova em Campo Grande (MS). “A corrida aqui em São Paulo será uma das mais difíceis pela adaptação do equipamento às características de Interlagos. Não conseguimos testar todas as variantes do módulo eletrônico, que vinha dando uns probleminhas, então, vamos usar os treinos de sábado para isso. Estamos correndo atrás do resultado desde o Rio de Janeiro, onde fui o pole-position, mas não vamos abaixar a cabeça. Nosso Ford Cargo é bom, estamos sempre andando entre os mais rápidos, mas somos realistas. Quero terminar a corrida no pódio, em que só subi na primeira etapa. Se isso acontecer, será excelente”, comentou Dirani.

Os caminhões Ford modelo Cargo da equipe Ford Racing Trucks possuem motores Cummins de 9 litros, mais leves que os de 12 litros de muitas equipes. Mesmo com a estrutura mais leve, em Interlagos a potência conta bastante para vencer as subidas e retas do traçado. Para o piloto gaúcho Andersom Toso, o melhor é correr sem pressão.

“Estamos confiantes e mais animados. Consegui superar a meta de pontuar na última etapa, o que já estava me incomodando. Os pontos já dão um certo alívio e tiram a pressão do resultado. A pista não nos favorece, mas temos condições de ficar entre os dez primeiros, com certeza. A equipe está unida, estamos sempre conversando, trabalhando os acertos, só falta um pouquinho mais de sorte. Quero terminar essa prova, e sem ter problemas”, revelou Toso.

Já o experiente mineiro Bruno Junqueira, que atualmente mora nos Estados Unidos, estará de volta ao Autódromo José Carlos Pace após 13 anos, e não vê a hora de acelerar seu caminhão. “Desde 1997 que não corro em Interlagos, faz muito tempo. A expectativa é muito boa, acho essa etapa muito importante para todos, pela história do circuito que é icônica, pelos patrocinadores que têm sede em São Paulo e pela equipe que é sediada perto da capital (Sorocaba)”, frisa o ex-piloto de Fórmula Indy. “É muito bom estar de volta. Não pude treinar com o meu Ford Cargo desde a última corrida, então, estou ansioso para acelerar tudo novamente. Tenho andado entre os dez primeiros e estou aprendendo cada dia mais. É muito diferente guiar um caminhão assim, mas estou adorando a experiência. Para a corrida, acho que vamos brigar pelos pontos. Mas já temos de começar a pensar na próxima etapa, em Londrina (PR), já que a pista de lá será melhor para nós por ser mais travada”, revelou Junqueira.

O chefe de equipe Djalma Fogaça espera que o final de semana seja produtivo, mesmo com os prognósticos não jogando tanto a favor. “Estamos bem no campeonato, os caminhões estão rápidos e os meninos estão evoluindo. O que falta mesmo é emplacar um resultado bom, sem problemas. E quando vamos para uma prova assim, pensando em brigar por posições mais modestas é que pode haver uma boa surpresa”, completou o ‘Caipira Voador’, como é conhecido o ex-piloto nas pistas.

A categoria dos ‘brutamontes’ fará um evento conjunto com a Top Race V6, categoria argentina de turismo, nos mesmos dias da etapa paulista.