Bruno Junqueira, ex-piloto de Fórmula Indy, fez uma boa corrida de caminhões e terminou em nono

Quem fez uma boa corrida em Curitiba foi o ex-piloto de Fórmula Indy Bruno Junqueira. Partindo do 15º posto ele fez uma excelente largada e ganhou quatro posições até o final da reta. Com seu Ford Cargo bem rápido o mineiro ficou brigando para subir posições quando ‘queimou’ o radar pela primeira vez na temporada e teve que entrar nos boxes para cumprir penalização na sétima volta. “Não estávamos tão competitivos nos treinos, mas na corrida deu uma melhorada. Pena que fiz minha estreia em penalização de radar”, contou o mineiro.

Retornando na 19ª posição Junqueira continuou com uma corrida agressiva até alcançar o nono lugar na 24ª passagem. “O equilíbrio de meu Ford Cargo estava muito bom, mas depois começou a escorregar por causa de um vazamento de óleo. Isto impediu que eu progredisse um pouco mais. De qualquer maneira acho que foi legal, alcancei o objetivo de terminar a corrida na zona de pontuação”, comentou o experiente piloto que recebeu a bandeirada em nono.

O paulista Roberval Andrade (Scania) aproveitou bem a sua pole position para liderar de ponta a ponta a nona e penúltima etapa do Campeonato Brasileiro e Sul-americano de Fórmula Truck, disputada domingo (14/11) em Curitiba (PR). Mesmo estabelecendo a volta mais rápida e pressionando por todas as 32 voltas, Felipe Giaffone (Volkswagen) terminou em segundo, a apenas meio segundo do vencedor, o suficiente para ficar com a folga de 17 pontos na liderança do campeonato sobre Andrade, o novo vice-lider.

Para o chefe da equipe Ford Racing Trucks, esta corrida inicia a fase de preparação para a temporada 2011 com um novo pacote técnico experimental.

“Trabalhamos bastante nestes dias e fomos progredindo diariamente. Os caminhões estão rápidos e o Bruno (Junqueira) fez uma corrida muito boa. Pena que o (Danilo) Dirani teve problema de superaquecimento e o (Andersom) Toso com o cardã. Mas estamos enxergando uma evolução que ficará mais clara na próxima etapa”, declarou Djalma Fogaça.

O encerramento da temporada da Fórmula Truck acontece dia 5 de dezembro, em Brasília (DF).

Confira os dez primeiros na penúltima etapa da F-Truck:

1) Roberval Andrade (Scania), 32 voltas em 1:01:12.843 (média de 115,89 km/h);

2) Felipe Giaffone (Volkswagen), a 0.533;

3) Leandro Totti (Mercedes), a 14.369;

4) Wellington Cirino (Mercedes), a 18.377;

5) Adalberto Jardim (Volvo), a 23.022;

6) Fred Marinelli (Iveco), a 45.952;

7) Débora Rodrigues (Volkswagen), a 46.211;

8) Paulo Salustiano (Volvo), a 57.383;

9) Bruno Junqueira (Ford), a 1:05.457;

10) Fabiano Brito (Ford), a 1:19.506;