Ford Racing Trucks larga entre os Top-5 no Rio de Janeiro

Em um sábado de céu aberto e muito calor na zona norte do Rio de Janeiro, foi disputado no autódromo de Jacarepaguá o treino que definiu o grid de largada para a primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck 2011. Felipe Giaffone ficou com a pole-position, ratificando a boa performance demonstrada nos treinos livres, e vai largar ao lado de Roberval Andrade na primeira fila.

O dia também foi positivo para a equipe Ford Racing Trucks, que colocou o Ford Cargo de Danilo Dirani na quinta posição do grid de largada. No treino decisivo, Dirani estabeleceu sua melhor volta de todo o final de semana, e destacou a grande evolução obtida no acerto do caminhão desde o início dos treinos.

“Conseguimos evoluir muito em relação aos treinos de sexta-feira. Ainda temos alguns ajustes a fazer para conseguir extrair mais potência do motor, mas o resultado desse treino foi muito satisfatório”, comentou Danilo Dirani, pole-position da categoria no Rio de Janeiro em 2010 e atual vice-líder do Campeonato Sul-Americano da Fórmula Truck.

O quinto melhor tempo do Top Qualifying – quando apenas os oito melhores da primeira fase disputam a pole-position – deixou Danilo Dirani em boa posição para a largada. “Nessa pista é melhor estar nas posições ímpares do grid e ficar pelo lado de dentro na primeira curva. É uma vantagem para a largada”, destacou Dirani.

A Ford Racing Trucks ainda comemorou o desempenho da piloto gaúcha Cristina Rosito na tomada de tempos. Estreante na categoria, Cristina fez em Jacarepaguá seu primeiro treino de classificação – já que na primeira prova do ano, válida pelo Campeonato Sul-Americano, ela não chegou a deixar os boxes na sessão.

Com direito a apenas uma volta para conseguir seu melhor tempo, Cristina ficou com a 15ª posição no grid. E se mostrou confiante para mais uma boa apresentação neste domingo. Em Santa Cruz do Sul, na corrida que abriu a temporada da Fórmula Truck, a gaúcha foi a melhor estreante da etapa e conquistou seus primeiros pontos na categoria.

“Acho que foi um bom resultado, já que a experiência é muito importante na Fórmula Truck para extrair o máximo do caminhão em apenas uma volta. Estou melhorando a cada vez que entro na pista e, solucionados os problemas que tivemos na sexta-feira, minha meta agora é novamente completar a corrida pontuando novamente”, apontou Rosito.

Chefe da equipe Ford Racing Trucks, o ex-piloto da categoria Djalma Fogaça acredita em uma boa apresentação neste domingo em Jacarepaguá.

“Levando em conta os diversos problemas que tivemos na sexta-feira, a equipe conseguiu uma excelente evolução. Vamos continuar trabalhando para que o Danilo brigue entre os primeiros amanhã, e para que a Cristina complete mais uma prova na categoria. Com isso, ela vai acumular mais quilometragem e experiência”, disse Fogaça.

A corrida de Jacarepaguá, que abre o Campeonato Brasileiro da Fórmula Truck, será disputada neste domingo (03/4) a partir das 13h10 com transmissão ao vivo pela TV Band para todo o país. Confira como fica o grid de largada (extra-oficial):

1) Felipe Giaffone (W, SP), 1:31.355, média de 120,86 Km/h

2) Roberval Andrade (S, SP), 1:31.480

3) Wellington Cirino (M, PR), 1:31.754

4) Valmir Benavides (W, SP), 1:31.964

5) Danilo Dirani (F, SP), 1:32.192

6) Renato Martins (W, SP), 1:32.479

7) Geraldo Piquet (M, DF), 1:32.586

8) André Marques (V, SP), 1:33.341

9) João Maistro (V, PR), 1:33.927

10) Beto Monteiro (I, PE), 1:34.086

11) Leandro Reis (S, GO), 1:34.207

12) Zé Maria Reis (S, GO), 1:35.015

13) Luiz Pucci (V, RA), 1:35.110

14) Debora Rodrigues (W, SP), 1:35.508

15) Cristina Rosito (F, RS), 1:36.301

16) Diumar Bueno (V, PR), 1:36.355

17) Luiz Lopes (S, SP), 1:38.146

18) Paulo Salustiano (I, SP), 3:55.061

Desclassifiados

Leandro Totti (M, PR)

Adalberto Jardim (F, SP)

Fred Marinelli (I, PR)

Pedro Muffato (S, PR)

Régis Boéssio (M, RS)

Legenda: F – Ford / W – Volkswagen / S – Scania / M – Mercedes-Benz / I – Iveco